Google+ GRITOS VERTICAIS: Sobrevivente

domingo, 12 de setembro de 2010

Sobrevivente


(Foto: André L. Soares)
.
.
.
SOBREVIVENTE
(André L. Soares)
.
Diga aos escravocratas, aos cafetões, aos injustos,
aos racistas, aos corruptos, aos inimigos da paz;
fale nos latifúndios, sob o olhar dos coronéis,
grite aos assassinos, nos porões do submundo:
– Que, apesar de tanto estrago,...
o amor sobreviveu!
.
Anuncie aos tiranos, aos cobradores de impostos,
aos que nos querem mortos, ao patronato cruel;
piche o muro do quartel, publique em cada jornal,
avise aos donos do mundo, em saguões de aeroportos:
– Que, apesar de seus esforços,...
o amor sobreviveu!
.
.
.
.
Leia também:
Gritos Verticais /O Poema de Cada Dia /Poética Herética /Raiz de Cem /Sons de Sonetos

32 comentários:

  1. eita guri
    belas palavras
    é isso ai vamos gritar q o amor sobreviveu

    bjim guri

    ResponderExcluir
  2. Que Post Fantástico!
    Amigo André:
    Um poema em passagem que reverbera no tribunal da consciência de muitos... Só o Poeta domina o grito da esperança entalada no peito com a força benfeitora que encontra amparo no povo!
    Contagiou. Mexeu. Valeu.
    Parabéns pelo lindo Post!
    Abraços,
    LISON.

    ResponderExcluir
  3. Lindíssimo texto, simples e intenso ! Adorei !
    Obrigada pelo apoio no meu blog, felizmente em menos de 24 hs consegui que todos tirassem meus artigos do ar !!!
    Um grande abraço e muito sucesso !!!

    ResponderExcluir
  4. Voce fala do coronelismo, da corrupção, vicios de um povo que vai varando seculos e é um entrave social. Eu vivo esse inferno. Felizmente, acima de tudo, vence o amor, meu por ela e dela por mim.

    ResponderExcluir
  5. Caro André,
    o grande Fernando Pessoa escreveu a seguinte frase:

    "Amo como ama o amor. Não conheço nenhuma outra razão para amar senão amar. Que queres que te diga, além de que te amo, se o que quero dizer-te é que te amo?"

    E como bem disse o amigo Lison, sua postagem é Fantastica,

    parabéns e tenha uma semana de realizações,

    abçs do amigo Marivan

    ResponderExcluir
  6. O amor será ainda mais vitorioso quando não houverem mais "donos do mundo", mas que o mundo seja de todos e todas.

    Abraço.

    ResponderExcluir
  7. Nossa, sempre me surpreendo vindo aqui...É que as vezes me esqueço do quanto é bela tua escrita-poesia...

    Beijus gigantes

    ResponderExcluir
  8. olá,adorei o seu blog,em especial o texto acima.estou promovendo um "sarau" poético no blog SINAIS SUTIS (http://desenhospoeisiascomportamento.blogspot.com/) e gostaria que vc participasse.Caso não queira participar apenas o siga o blog para ser informado de eventos futuros.

    obs.:
    siga-me também(ao me seguir deixe-me um comentário para facilitar sua indentificação),pois já estou te seguindo.abraços.

    ResponderExcluir
  9. olá,adorei o seu blog,em especial o texto acima.estou promovendo um "sarau" poético no blog SINAIS SUTIS (http://desenhospoeisiascomportamento.blogspot.com/) e gostaria que vc participasse.Caso não queira participar apenas o siga o blog para ser informado de eventos futuros.

    obs.:
    siga-me também(ao me seguir deixe-me um comentário para facilitar sua indentificação),pois já estou te seguindo.abraços.

    ResponderExcluir
  10. Este poema é um manifesto !!!
    O poeta é arauto das boas novas!
    abraços
    renata

    ResponderExcluir
  11. Belíssimo alerta, poeta! Que o amor sobreviva sempre.

    Bjs, querido amigo, espero que esteja tudo bem por aí. Inté!

    ResponderExcluir
  12. Gostei de sua poesia: intensa, exata, limpa. Peço licença para seguir.

    Abraços.

    PAZ e LUZ

    ResponderExcluir
  13. Anônimo10:24:00

    Espero que leia essa mensagem.
    Seguinte André, no site dihitt tem um mala(eu), que esta reunindo os melhores autores e seus melhores textos para por num livro. O seu nome foi mencionado.
    Queria saber se autoriza o uso de seus textos.
    Se pegar essa mensagem, pode dar uma rápida passadinha lá no dihitt. Só para dizer sim ou não ao idiota do Bruno Machado Carvalho(Eu?
    Agradeceria

    ResponderExcluir
  14. hello friend..can we exchange link? I already added your link in my blogroll..Please do add mine, thanks friend..

    ResponderExcluir
  15. O seu blog é belissimo. Adorei.é sempre bom dizer, que o Amor sobrevive ou sobreviveu.Estou aqui também, para lhe convidar a visitar o meu blog, e se possivel seguirmos juntos por eles
    Abras
    www.josemariacostaescreveu.blogspot.com

    ResponderExcluir
  16. Seu Blog ta muito legal, parabéns! Mas que tal colocar seu blog com dominio proprio, muito mais facil das pessoas aprenderem seu endereço. Caso tenha interesse entre em contato conosco pelo endereço www.carolleal.com.br.

    ResponderExcluir
  17. Nossa, que bom que ainda estamos aqui ;) rssrs afinal, não é o amor a medida de todas as coisas?!

    ResponderExcluir
  18. Parabens pelo blog se um dia for fazer materia sobre Camisetas contate-nos podemos
    tentar um brinde para sorteio.

    Sucesso!!!

    Até mais...

    http://www.camisetasdahora.com/

    ResponderExcluir
  19. "Quando a alma reclama, versos travessos atravessam a frente, 'indignoso' de ações malbaratadas."

    E como gostei de tuas palavras...

    ResponderExcluir
  20. O amor vive na prisão, na liberdade, em local adequado e muitas vezes inapropriado... AFF
    como deve ser dificil ser o Amor...
    O qual todos almejam, porém quando ele chega muitas vezes não aguentamos suportar a responsabilidade que ele nos traz...
    Há o amor....
    Bjão encantado de uma fadinha que adora voar por ai.

    ResponderExcluir
  21. Nossa!!!
    Que show de páginas.
    Imagens e palavras completam-se em perfeição.
    Amei.
    Abraços

    ResponderExcluir
  22. Gosto de teu blog, e de tua postura poética: apesar das agruras do mundo, o amor sobrevive!
    Abraços alados e azulados.

    ResponderExcluir
  23. Oi, André
    muito verdadeiras as tuas palavras.
    Adorei o poema. Posso transcrevê-lo em meu blog de poesias?
    Bom domingo.

    ResponderExcluir
  24. Poeta, diante desse poema perfeito, só me resta dizer amém!
    Fica em paz, meu amigo. Abração.

    ResponderExcluir
  25. Muito me encanto em seus versos! Fazem bem à alma. Abraços
    Josette Garcia

    ResponderExcluir
  26. Esse dispensa coméntários, pela força, beleza e verdades nele contidas. Estou encantada com sua poesia. Não me canso de dizer. Beijinhos, poeta.

    ResponderExcluir
  27. André, adoro seus poemas. Mas os seus poemas políticos são ainda melhores. Fico boba como você se expressa de modo forte e coerente. Fica bem, poeta. Beijinhos.

    ResponderExcluir
  28. Esse é mais outro poema espetacular. Forte e com temática social. Parabens novamente, poeta.

    ResponderExcluir
  29. André, que poema, heim. Força, beleza, sentido crítico apurado. Virei sua fã. Beijocas, meu poeta.

    ResponderExcluir
  30. *** Olá Poeta! Prazer Estar Aqui Lendo Esta Diversidade De Textos Poéticos Com A Característica De Tua Personalidade. Primo Por Esta Autenticidade Sempre.
    SOBRE O POEMA: "SOBREVIVENTE"
    ***A MINHA ALMA ESTÁ ARMADA E APONTADA PARA CARA DO SOSSEGO; POIS "PAZ" SEM VOZ NÃO É "PAZ É MEDO!*** (Esta estrofe De uma Das Músicas do Rappa define Bem Tua Poesia.) Para que haja Paz & amor Neste Sistema Sobre o Domínio Dos Interrupcorruptores Humanos Que ainda Vivem Os Fantasmas Do poder Pretenciosos Donos Do eterno comando, Sem Gritos E Ações independente da Forma de manifestação, Jamais Eles deixaram Fluir o Amor, A Paz E Tão Pouco a Igualdade E O Respeito Digno Merecido pelo Indivíduo Braçal Que Sustentam Suas Ostenções... P.S ( redundância Proposital.)Toda Informação Gera Opinião Mister Se Faz Expressá-las Seja Por Textos, Músicas, Imagens, Tudo Que se Materialize em: "PALAVRAS!" Eis Que Esta É A Maior "ARMA" Que Existe! E Se Bem Usada E Ousada, Ou Estabelece A Ordem, A Paz, O Amor E Igualdade, Ou O Caos Predominante Sempre Sobrepujará Aquele Que Forçado Á Viver Sob Tais Condições Será Sempre Apenas Mais Um Dentre A Minoria Estatística Que Repugna-me: Um "SOBREVIVENTE!" ... (sobre-Vivente Até a Morte com Seus Direitos Castrados Como Feudo Sem amor, reconhecimento, Respeito & Dignidade adicionada Á igualdade do Todo Que Faz Do "Ser" UM "Humano".)

    Gostei do Canto Em que Você Posta seus "Gritos" Interiores. Bom Demais. Não Obstante, se Você Achou Muito extenso Meu Comentário ou Fora Dos critérios da Tua Moderação, Podes Reprová-lo e não postar. Mesmo Assim deixo Um Abraço carinhoso Sendo ótimo Ter Lido Você! Sereno Abraço. ***

    ResponderExcluir
  31. Boa tarde.


    Agradeço a todos pela visita, leitura e generosa apreciação.

    Espero que voltem e continuem prestigiando os ‘Gritos Verticais’.

    Muito obrigado.

    Sejam todos sempre muito bem vindos.

    Grande abraço!
    .

    ResponderExcluir