Google+ GRITOS VERTICAIS: Conselho

terça-feira, 20 de novembro de 2007

Conselho

(House Guests Sandi Gore Evans)
.
.
.
CONSELHO
(André L. Soares)
.
Oh! Asas do ingênuo...
caíste na armadilha
da mesmice.
Mas ainda é tempo
de fugir dessa prisão,...
buscar o teu lugar!

Lembra:
o bom homem não existe
e se ele te dá alpiste
é só para te impedir
de voar!
.
.
.

9 comentários:

  1. De nada, André. É apenas um humilde reconhecimento de minha pessoa... rs

    Um dia, vou trabalhar uma melodia para um poema seu, você ainda vai ouvir. Fica tranquilo que eu vou te mandar antes de mostrar prá qualquer outra pessoa...

    Grande abraço!

    ResponderExcluir
  2. Lindo como sempre...
    Tenha um ótimo dia..
    Beijos!!

    ResponderExcluir
  3. Dizem que se conselho fosse bom, ninguém dava. Vendia.
    Já concordei com isso, hoje não mais sabe. É como lhe falei ontem, alguns eu deveria ter seguido ao pé da letra.
    Parabéns, querido Poeta. “Conselho” é um belo poema.
    Ah! E parabéns também, pela merecida indicação abaixo viu. Beijussssssssssss

    ResponderExcluir
  4. André,

    A surpresa que me causou me deixa sem as palavras certas para uma ocasião, assim, tão inesperada! Considerando que entrei para o segmento há tão poucos dias (apenas desde agosto) e tão pouco sabia, e ainda tão pouco sei "dele", tanto o quanto pouco sei de tecnologia e internet...todos ítens que me causaram surpresa (muito agradável, por sinal), ter recebido sua mensagem tão favorável e gentil, aliás, gentilíssima, a qual agradeço imensamente.

    Por tudo isso, mais surpresa ainda me causou sua indicação.

    Agradeço tanta amabilidade.

    Gostei sim, gostei muito, e, muito, também, dos demais poemas. Vou procurar um tempo bem silente para ler com mais calma os demais - li um tanto apressadamente.

    Estranha emoção que nos pode causar alguém que não conhecemos!

    Agradeço a você, André, esse sentimento novo.

    Abraço,

    Ana Maria

    P.S.: Não sei como e qual o número de indicações meu blogler pode fazer, se for possível me orientar, eu agradeço.

    ResponderExcluir
  5. A metáfora do alpiste é muito forte, há uma miscelânea deles, não? Por tantas vezes as pessoas sao impedidas de voar, e na maioria, quem impede é quem morre de medo da liberdade.

    André, me ausentei da net por alguns dias, nao estou no Brasil, estou na Europa fazendo um pós, mas agora regularizarei as visitas de acordo com as demandas do estudo.
    ;)

    ResponderExcluir
  6. Oi André!

    Obrigada pelo carinho, fiquei feliz mesmo. Gostei do seu blog e mais ainda de seus versos, meus parabéns e obrigada por dividir.

    beijos,

    ResponderExcluir
  7. André,

    Me desculpe pela demora em minha indicação, mas fiquei sem acesso a internet por quase toda a semana.

    Vou indicar apenas um, eu havia escolhido um que conheci através de seu blog, A Casa da Nina, mas acabo de perceber que ele já está indicado.

    O blog que indico não trata muito de poesia, mas como no seu post você fala em liberdade, eu indicarei esse do qual gosto muito.

    Seu conteúdo é muito relevante e seu layout muito atraente.

    Blog: the passira news

    end.:http://wwwb.click21.mypage.com.br/MyBlog/visualiza_blog.asp?site=thepassiranews.myblog.com.br

    Bom domingo para você.

    Abraço,

    Ana Maria

    ResponderExcluir
  8. ...Ola, sou o poethinha panameño do blog TODA PALABRA ES TAMBIÉN SILENCIO... gostaria muito conhecer más a sua bora poética... o meu portugues e una misturanza de español e brasileiro gostei muito seu blogge... boa ventura...

    ResponderExcluir
  9. Boa tarde.

    Agradeço a todos pela leitura, comentários e generosa apreciação.

    Espero que continuem prestigiando os 'Gritos Verticais'.

    Muito obrigado.
    Sejam todos sempre muito bem vindos

    Grande abraço!

    ResponderExcluir