Google+ GRITOS VERTICAIS: Do Amor de Todas as Horas - I

domingo, 29 de julho de 2007

Do Amor de Todas as Horas - I

 (Foto: André L. Soares)
.
.
.
DO AMOR DE TODAS AS HORAS – I
(André L. Soares)
.
Não somente as juras noturnas, ditas em meio aos carinhos, faziam com que se sentisse amado. Havia o valor das horas cotidianas – repletas do comum –, em que ela o olhava distraída. Nesses momentos, encantava-o sua voz suave. Involuntário, captava a intensidade das palavras com que ela respondia coisas corriqueiras, cada frase abrigando termos e entonação em dose exata à felicidade. Em tudo que ela fazia, residia o carinho de entrelinhas que só ele sabia ler. Às vezes era um gesto qualquer: o modo de ajeitar-lhe a camisa; o olhar triste ao vê-lo partir; ou o sorriso sereno com que o acolhia na volta. Aos ouvidos daquele homem, as palavras de amor – instigantes do desejo – eram também dóceis pleonasmos; pois, ainda que ela jamais as sussurrasse, ele teria escutado – de modo ensurdecedor –, todos os apelos vindos das entranhas daquela mulher,... ecoando em sua alma, na ininterrupta freqüência do quartzo.
.
.
.

4 comentários:

  1. Maravilhoso!!!

    André,.... querido poeta, você sabe como ninguém descrever o amor.
    Adoro ver como nem mesmo um mínimo detalhe lhe escapa aos olhos e a alma, que é de onde eu tenho certeza, que vem esse seu talento brilhante.
    Beijusssssssssssssss

    ResponderExcluir
  2. e o que vejo, vindo te agradecer a visita? poesia grande a flutuar, lua na tarde domingo.

    brigado, Poeta!

    linkado está!

    []´s

    ResponderExcluir
  3. Anônimo08:21:00

    André Soares

    Gostei da sua visita ao meu blog e do simpático e amigo comentário que lá deixou.
    Vim ver o seu blog, nunca tinha entrado num blog tão organizado, gostei dos conteúdos também.
    Vou linkar no meu

    abraços e voltarei
    Constança
    http://constancalucas.blog.uol.com.br/
    http://www.constanca.lucas.nom.br/

    ResponderExcluir
  4. Bom dia

    Agradeço a todos, pela visita, leitura e comentários. Espero que continuem prestigiando os 'Gritos Verticais'.

    Muito obrigado.
    Sejam sempre muito bem vindos.

    Grande abraço!

    ResponderExcluir